Quais são as causas comuns da fraqueza da perna esquerda?

Existem algumas razões pelas quais uma pessoa pode ter fraqueza na perna esquerda, mas três das mais comuns são a trombose venosa profunda, que é uma questão de coagulação do sangue, dano do nervo ciático e acidente vascular cerebral. Qualquer um que tenha ferido a perna esquerda ou estiver envolvido em um trauma, como um acidente de carro, também pode sofrer fraqueza de vez em quando, especialmente se houve dano muscular ou lágrimas a qualquer dos ligamentos da perna. A fraqueza menor ou fugaz geralmente não é algo que as pessoas devem estar preocupadas, mas os especialistas normalmente recomendam obter ajuda quando a condição parece prejudicar a mobilidade ou dura mais de alguns dias. Um check-up médico pode descartar condições mais graves e desencadear todos os tratamentos necessários.

Geralmente, é um tanto mais notável para uma pessoa experimentar dor em apenas uma perna por vez. Isso geralmente só acontece em resposta a estimulação ou desencadeamento específico. Uma condição que ocorre com mais freqüência na perna esquerda e, por extensão, muitas vezes é a culpa da fraqueza da perna esquerda, é a trombose da veia profunda. Esse problema ocorre quando um coágulo de sangue se forma em uma das veias da perna e geralmente é considerado muito perigoso. O coágulo de sangue pode percorrer a veia para os pulmões, causando uma embolia pulmonar que muitas vezes é fatal se não completamente debilitante.

A ciática e outros problemas nas costas que causam compressão espinhal também podem ser culpados. O nervo ciático corre da parte inferior das costas para cada perna. Quando o nervo fica irritado devido a um problema de coluna vertebral, pode resultar em dor e fraqueza. Outros sintomas da ciática incluem dor e dificuldade em pé, sentado ou caminhando. Dependendo da causa da ciática, pode desaparecer por conta própria. Em outros casos, pode ser necessária fisioterapia, medicação ou cirurgia.

Outro problema de saúde que pode causar fraqueza na perna esquerda é acidente vascular cerebral. Tal como acontece com a ciática, a fraqueza pode ocorrer à direita ou à esquerda, mas geralmente é concentrada em apenas um lado do corpo. Se o acidente vascular cerebral afeta o lado direito do cérebro, a fraqueza ocorrerá no lado esquerdo. A fraqueza de um acidente vascular cerebral pode ser sentida em qualquer parte do corpo, incluindo as pernas. Um acidente vascular cerebral ocorre quando o fluxo sanguíneo para o cérebro é interrompido e pode resultar em danos físicos permanentes. O cuidado médico imediato é importante se um suspeito for suspeitado, e as vítimas mais rápidas obtêm ajuda, e é mais provável que evitem incapacidades permanentes e outras deficiências.

A fraqueza da perna esquerda também pode ser causada por uma lesão na perna, pé ou tornozelo. As lesões musculares devido a praticar esportes ou exercitar-se incorretamente estão entre as mais comuns, mas acidentes e trauma também podem ser causas. Algumas lesões da coluna vertebral também podem desencadear problemas de sensação ou força em uma ou ambas as pernas, dependendo de onde o dano ocorre. As lesões enraizadas no dano muscular ou nervoso geralmente se curarão ao longo do tempo, mas nem sempre. Esguios, cepas e dores menores geralmente desaparecerão dentro de uma semana ou mais, mas fraturas e danos nos tecidos geralmente precisam de atenção médica e cuidados mais especializados para evitar mais degeneração.

A fraqueza que dura mais de alguns dias geralmente é motivo de alarme, especialmente se a causa não for conhecida imediatamente. Especialistas em saúde geralmente recomendam que qualquer um que seja incomodado ou preocupado com seus sintomas obtenha uma avaliação profissional e check-up. Isso é particularmente importante para qualquer pessoa que suspeite de dano neurológico ou dano nervoso duradouro, uma vez que essas lesões geralmente são compostas com o passar do tempo. A detecção precoce pode ajudar a acelerar a cura e prevenir contra consequências mais graves.